Toma posse a primeira diretoria do Seclitus composta por chapa inteiramente feminina

rosemericrop
Criado em janeiro a partir de um desmebramento do Sindicon (Condomínios) o Seclitus agora conta com sua primeira diretoria, eleita e empossada na última sexta-feira (10).

A Nova Central Sindical de Trabalhadores do Estado do Paraná conversou com Rosicler Maria Torquato, presidenta eleita para estar à frente do Sindicato até 2016.

NCST/PR: Quais são as categorias representadas pelo Seclitus?
Rosicler: O nosso Sindicato irá representar os empregados em empresas de compra, venda, locação, e administração de imóveis; empresas de turismo; institutos de beleza e cabeleireiros de senhoras; conservação de elevadores; casas de diversões; bailarinas e dançarinas; oficiais barbeiros (inclusive aprendizes e ajudantes, manicures, empregados em salões de cabeleireiros para homens); lustradores de calçados; instituições beneficentes, religiosas, filantrópicas, lavanderias e similares.

NCST/PR: E a base territorial?
Rosicler: Representamos os trabalhadores de Curitiba, Adrianópolis, Agudos do Sul, Almirante Tamandaré, Antonio Olinto, Araucária, Balsa Nova, Bocaiúva do Sul, Campina Grande do Sul, Campo do Tenente, Campo Largo, Campo Magro, Cerro Azul, Colombo, Contenda, Doutor Ulysses, Fazenda Rio Grande, Itaperuçu, Lapa, Mandirituba, Paula Freitas, Paulo Frontin, Pien, Pinhais, Piraquara, Quatro Barras, Quitandinha, Rio Negro, Rio Branco do Sul, São Mateus do Sul, São José dos Pinhais, Tijucas do Sul e Tunas no Paraná.

NCST/PR: Como foi a iniciativa de efetivar o Seclitus?
Rosicler: A ideia deste sindicato para uma defesa específica destas categorias existia desde 1993, mas nunca foi efetivado e acabou que ficava como trabalho do Sindicon. Este ano com a ajuda do pessoal dos condomínios a proposta foi finalmente efetivada.

NCST/PR: Qual a necessidade de estar em um Sindicato próprio?
Rosicler: É principalmente devido à necessidade de dar uma maior representatividade a esta categoria, realizar negociações em separado o que fortalece o setor, agiliza a negociação. Podemos agora dar um maior cuidado à categoria.

NCST/PR: Como será a composição da diretoria?
Rosicler: Temos uma gestão formada por dez representantes, todas mulheres. Eu venho do ramo imobiliário, mas temos na gestão também pessoal de lavanderia, turismo, é diversificada.

NCST/PR: E a filiação ao Sindicato?
Rosicler: Temos já uma base que é o pessoal que era já filiado ao Sindicon, mas assim que estivermos estruturados vamos ter uma campanha de filiação, para ampliar o debate com a categoria. Vai ser muito trabalho! Mas estamos dispostas a enfrentá-lo.
 

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede