Postos cobram até R$ 9,99 pelo litro da gasolina em Brasília

Dois postos de combustíveis em Águas Claras e Planaltina, cidades do Distrito Federal, elevaram o preço do litro da gasolina para inacreditáveis R$ 9,999. Uma consumidora, que estava na fila para abastecer em Águas Claras, flagrou o momento em que o funcionário anunciou o novo valor.

Veja o vídeo:

 

Os motoristas se irritaram e protestaram contra a elevação exorbitante do preço da gasolina. No início da madrugada, o posto de Águas Claras baixou o valor do litro para R$ 5,999. Em Planaltina a queda foi bem menor: de R$ 9,999 para R$ 8,999.

As filas se acumulam em diversos postos da capital federal desde ontem (23) em função do desabastecimento dos combustíveis provocado pela greve dos caminhoneiros em protesto contra os reajustes praticados pela Petrobras no preço do diesel.

Fiscais do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) fiscalizam os postos desde o início desta manhã para verificar os estabelecimentos que estão praticando preços exorbitantes. O Procon está orientando os consumidores que abastecerem nesses postos que peguem a nota fiscal e levem até uma unidade do órgão para registrar a reclamação.

Fonte: Congresso e Foco, 25 de maio de 2018.

 

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede