Pesquisas confirmam disputa acirrada no PR

Beto Richa está com 44% das intenções de voto e senador Osmar Dias, com 35%

As duas pesquisas eleitorais divulgadas no fim de semana confirmam que as eleições para o governo do Estado serão disputadas voto a voto e que tudo deve se definir no primeiro turno. As sondagens também são importantes para que os candidatos definam suas estratégias e regiões a serem priorizadas.
A pesquisa Vox Populi encomendada e divulgada ontem pelo jornal O Estado do Paraná mostrou o candidato da coligação Novo Paraná, o ex-prefeito Beto Richa com 44% das intenções de voto, contra 35% do candidato da chapa “A união faz um novo amanhã”, o senador Osmar Dias (PDT). O candidato Paulo Salamuni (PV) aparece em terceiro lugar, com 1%. Os demais candidatos, Luiz Felipe Bergmann (Psol), Avanilson Araújo (PSTU), Amadeu Felipe (PCB) e Robinson Luiz Cordeiro de Paula (PRTB) não atingiram 1%. Segundo a pesquisa, 4% dos entrevistados declararam que votarão em branco ou nulo e 16% disseram ainda estar indecisos. O Vox Populi ouviu 1.200 pessoas, em 49 cidades, entre os dias 14 e 17 de julho. A margem de erro da pesquisa é de 2,5 pontos percentuais. De acordo com a pesquisa, os 10% do então candidato Orlando Pessuti, da primeira sondagem da Vox Populi em maio, foram divididos entre Osmar e Beto, já que o tucano liderava com 40%, contra 33% do pedetista e 10% do governador. A pesquisa também mediu a rejeição dos candidatos. Segundo o Vox Populi, 27% dos entrevistados não votariam em Osmar Dias; 25%, em Salamuni; 24%, em Luiz Felipe Bergmann e 21%, em Beto Richa. A rejeição a Avanilson Araújo, Amadeu Felipe e Robinson de Paula é igual: 22%.


Já a pesquisa Datafolha divulgada na noite desta sexta-feira apontou que a disputa pelo governo do Paraná está tecnicamente empatada entre os candidatos do PSDB, o ex-prefeito de Curitiba, Beto Richa, e do PDT, senador Osmar Dias. De acordo com o levantamento, Richa teria hoje 43% das intenções de voto, contra 38% de Osmar. Como a margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos, o Datafolha aponta empate técnico entre os dois. O  candidato do PV, Paulo Salamuni, tem 1% na pesquisa. Brancos e nulos somam 3%. Outros 14% dos entrevistados não souberam responder. O Datafolha ouviu 1.225 eleitores entre a última terça-feira e esta sexta-feira, ou seja, a sondagem foi feita depois da Vox Populi, o que, para os aliados de Osmar, significa que ela está mais próxima à realidade. “Gleisi Hoffmann, candidata ao Senado na coligação : “Os resultados são muito positivos e mostram que será uma eleição muito disputada. Nós começamos o trabalho há um mês e alcançamos esse resultado excelente, enquanto o adversário, que trabalha há três meses, não saiu do lugar. Os índices mostram que a eleição é nossa”, diz a candidata ao Senado, Gleisi Hoffmann (PT), aliada de Osmar. Orlando Pessuti, governador do Paraná: “Fiquei entusiasmado. A pesquisa reflete com tranquilidade o crescimento da candidatura do Osmar já na primeira semana da nossa aliança. Com a campanha entrando no ritmo, e quando a população tomar conhecimento do nosso apoio e do presidente Lula, não tenho dúvidas de que no dia 3 de outubro vamos conquistar os mais de 50% de votos”.
Para Gustavo Fruet, candidato ao Senado na chapa de Beto, o resultado positivo vai se ampliar com o horário eleitoral. “É um bom início e mostra uma tendência de crescimento, principalmente no interior, onde agora há empate. É preciso reforçar o trabalho, porque estamos no caminho certo”, disse Fruet. O candidato ao Senado Ricardo Barros disse que as pesquisas confirmam a aprovação pelos eleitores. “Beto vai crescer muito, com as visitas a todos os municípios do Estado e o início dos programas eleitorais.

Os números
O resultado das pesquisas divulgadas no fim de semana
    Datafolha    Vox Populi
Beto Richa  (PSDB)     43%    44%
Osmar Dias  (PDT)    38%    35%
Paulo Salamuni (PV)    1%    1%
Votos brancos    3%    4%
Indecisos    14%    16%
 

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede